7 de abr de 2010

PEGADAS DE DEUS

PEGADAS DE DEUS
“Os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia as obras das Suas mãos.” (Sal. 19:1)


Ilustração:
Numa certa manhã, bem cedo, dois árabes sentaram-se em suas tendas debatendo a respeito de Deus.
-“Como você sabe que há um Deus?” um deles perguntou.
-“Como posso saber que um camelo passou perto de minha tenda durante a noite?” o outro observou.
-“Ora, você pode ver as pegadas.”, foi a resposta. Olhando para fora através da entrada da tenda, eles podiam ver claramente os rastros do camelo sobre areia.
-“è assim também que eu sei que Deus existe.”, disse o outro árabe. “Posso ver as marcas dos passos de Deus.”
Prezado amigo, você tem visto ultimamente as pegadas de Deus? Olhe para fora de sua janela, pode ver que Deus esteve perto de sua casa, ou dentro dela durante o dia que se passou? Você tem percebido à cada manhã Suas pegadas?
Muitas pessoas hoje crêem ser prova de inteligência ou cultura, ignorarem ou até mesmo negarem a existência de um Criador.
Outros há, que O ignoram e até mesmo O negam através de sua vida, apesar de O confessarem através de seus lábios.
No Salmo 19:1 lemos: “Os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia as obras das Suas mãos.” Mas é tão natural anoitecer e amanhecer que parece que esses fatos já não nos chamam mais a atenção. Talvez toda a humanidade se voltaria para Deus em busca de socorro, reconhecendo-O como Criador e mantenedor de todas as coisas, se pôr exemplo, permanecesse dia pôr 24 horas,. Ou, quem sabe ainda se a noite persistisse pôr mais de 12 horas.
O apóstolo Paulo diz em Romanos 1:20: “Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o Seu eterno poder como também a Sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das cousas que foram criadas. Tais homens são pôr isso indesculpáveis.”
Deus criou uma grande tela, um imenso ‘out-door’ de propaganda acerca de Sua glória, Seu poder e pôr isso Sua existência é incontestável.
Há alguns anos atrás, pôr essa enorme tela panorâmica, o céu, desfilou imponente o cometa halley. Esse cometa que passeia pelo céu do nosso planeta à cada 70 anos. Todos se equiparam de binóculos ou luneta, alguns visitaram os observatórios para apreciá-lo através dos possantes telescópios. A TV, os jornais e revistas o fotografaram para que todos pudessem apreciar essa inegável ‘pegada’ de Deus.
Quem o contemplou, não terá mais a oportunidade de vê-lo outra vez. Cada pessoa só pode enxergá-lo uma única vez em sua breve existência. A cabeça do cometa, ou núcleo é tão brilhante quanto uma estrela de primeira grandeza. Sua cauda luminosa, ou cabeleira, como é chamada, se estende por quase um terço da abóbada celeste quando ele passa. Que magnífica visão podemos ter do poder de Deus. Poder esse que é capaz de manter no espaço, a uma tremenda velocidade, e sempre em suas rotas invariáveis, outros milhões de cometas, estrelas, sóis e planetas, sem que haja congestionamento do tráfego ou colisão.
Prezado amigo, você já enxergou a Deus hoje? Viu Suas pegadas?
Podemos vê-lo em nós, através da perfeição do nosso corpo. Da saúde que gozamos, da disposição para o trabalho cotidiano, dos sentimentos que experimentamos, da inteligência para tomarmos decisões ou para o aprendizado constante.
Podemos ver as ‘pegadas de Deus’ em nossos filhos, criaturas à nossa semelhança, tão dependentes de nós e, todavia, querendo ser tão independentes, com sua personalidade própria, extensões nossas, sem serem como nós somos!
Vemos a Deus na natureza que é o Seu mais amplo palco de apresentação: nas imensas árvores com frutos tão diversos, dando-nos alimento, abrigo, sombra, madeira, etc. Nas flores de variadas cores, matizes, formas e perfumes. Na força da água que corre em uma cachoeira, na serenidade de um lago límpido e calmo. Nos animais enormes com sua força, forma e propriedade tão diversificadas. E nos pequenos animaizinhos com suas habilidades. No gorjeio dos pássaros com sua rica e exuberante plumagem e em seu instinto protetor, construindo os mais variados tipos de ninhos, que lhes serve de abrigo.
Mas, podemos todos pisar nas ‘pegadas’ de Deus quando acompanhamos a Jesus, a melhor e a mais perfeita revelação de Deus. Ele mesmo disse: “Quem me vê a Mim, vê o Pi que me enviou.” (Jo. 14:9)
Talvez seja por isso que tantos não conseguem ver a Deus. Porque há pessoas que estão cegas ou tem a visão ofuscada e não conseguem ver a luz da revelação divina. Não O vêem na natureza porque não O enxergam através de Jesus.
Pode ser que para esses, o Criador permita que vejam a experimentar a noite escura em sua vida, para que possam enxergar Suas pegadas quando a escuridão romper e um novo dia amanhecer.
Hoje amigo, Jesus faz-nos uma promessa: “Buscar-me-ei s, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração.” (Jer. 29:13)
Mesmo que O busquemos apenas na noite escura da nossa existência, Ele ainda assim estará pronto a nos atender, porque Seu amor pôr nós é firme e constante. Ele diz: “Com mor eterno eu te amei, pôr isso com benignidade te atrai.” (Jer. 31:3)
Mesmo que O busquemos apenas nos dias maus, Ele ainda assim promete que nos ouvirá: “invoca-me no dia da angústia e eu te ouvirei e anunciar-te-ei cousas grandes e ocultas, que não sabes.” (Jer. 33:3)
Prezado amigo, hoje Jesus convida a olharmos para Ele, a ouvir-Lhe a voz para que Ele possa caminhar conosco todos os dias de nossa vida, pois foi para Ter a nossa companhia que Jesus nos deixou as Suas ‘pegadas’.

Nenhum comentário: