12 de nov de 2009

O QUE PODEMOS APRENDER NO VALE DE OSSOS SECOS?

O Que Podemos Aprender no Vale de Ossos Secos




Texto: Ezequiel 37.1-14

Introdução

•O contexto é de desolação. O povo está no exílio.

•Ezequiel 20: 32 diz que eles não criam mais em Deus.

•Ezequiel 37:11 e Ezequiel 37: 2. Ossos, não apenas secos, sequíssimos.

• Nosso Deus é o Deus da esperança.

•Diante das pressões do mundo, vem o desânimo.

•Vale a pena ser um crente? Nos sentimos como ossos secos.

•Em Deus está toda a nossa esperança.

•Ezequiel 37:1 - 2. "Veio sobre mim a mão do Senhor".

• Nosso Deus é o Deus do impossível.

•Ezequiel 37:3. Poderão viver esses ossos?

•Ilustração: Gênesis 18:14. Existe coisa difícil ao Senhor?

•A resposta humana à pergunta de Deus é não.

•A resposta do profeta: "Tu o sabes Senhor". É uma resposta de um homem de Deus.

• Nosso Deus é o Deus que vivifica.

•Ezequiel 37: 6 "...e poreis o espírito e vivereis "

•Ilustração. Livro: Esgotamento Espiritual. Nós é que ficamos esgotados. Deus jamais.

•Para a frieza, o desânimo, o remédio é uma ação do Espírito Santo.

• Nosso Deus fala e cumpre.

•Ezequiel 37:14b. "Eu o Senhor disse e fiz"

•Ezequiel 12:25. A mesma palavra.

•Isaías 43: 13 "... operando eu, quem impedirá?

•Só ele tem o poder para cumprir o que fala.

Conclusão

•Deus da esperança. Deus do impossível. Deus que vivifica. Deus que fala e cumpre.

•Vamos deixar este Deus, o único Deus, ser o nosso Deus.

11 de nov de 2009

 Até aqui nos ajudou o Senhor, e nós não vamos nos esquecer disso!

                               INTRODUÇÃO

Pergunta de Ligação: Por que, logo após uma vitória na batalha, Samuel escolheu uma pedra, colocou-a entre Mispa e Sem e a chamou de "Ebenézer"? Quais eram os SIGNIFICADOS deste ato?

Nota: Ebenézer significa "Pedra de ajuda".

PRIMEIRO SIGNIFICADO: Aquela pedra era um MARCO DE VITÓRIA.

Tema do Meio: Marcos de vitória.

Explicação: Depois que Samuel levantou aquela pedra, todas as vezes que as pessoas passavam por aquele lugar, ao olhar para ela, lembravam-se que foi ali que os filisteus foram definitivamente derrotados nos tempos de Samuel: "... e nunca mais vieram aos termos de Israel, porquanto foi a mão do Senhor contra os filisteus todos os dias de Samuel" (vs 13).

Ilustração: "Marcos de vitória" são como um título de campeão de um torneio esportivo que, uma vez conquistado, nunca mais pode ser tomado, ou como uma "Cabeça-de-Ponte", posições territoriais tomadas à força militar e defendidas de tal forma que o inimigo não consegue mais reaver etc.

Fundamentação: Deus não se arrepende das bênçãos que Ele nos dá - Romanos 11.29. _____________________________________________

Aplicação: Marcos de vitória são registros de conquistas que só nos foram possíveis mediante a graça de Deus, tais como um diploma importante conquistado, um imóvel registrado, um carro quitado ou comprado à vista, um casamento realizado, um filho que nasceu, uma viagem missionária, uma missão realizada, um ministério consumado, uma ajuda relevante ao próximo, uma pessoa resgatada, uma vida libertada etc.

Apelo do meio: Estabeleça seus "marcos das vitórias" de tal modo que ao olhar para trás você se alegre ao constatar que há em sua história grandes bênçãos conquistadas, que nunca mais o inimigo poderá tomá-las de você, grandes avanços e grandes obras realizadas que nunca mais podem ser desfeitos.





SEGUNDO SIGNIFICADO: Aquela pedra era um ALTAR DE GRATIDÃO.

Tema do Meio: Gratidão.

Explicação: Ao passar por aquele lugar, as pessoas também iriam se lembrar que foi Deus quem expulsou os filisteus, com seus raios e trovões.

Ilustração: _____________________________________________

Fundamentação: Gálatas 3.15(b).

Opinião Contrária: _____________________________________________

Ponto-Cruz: _____________________________________________

Glorificação: _____________________________________________

Aplicação: Muitas pessoas vivem reclamando da vida (e até de Deus) pois se esquecem facilmente o quanto o Senhor tem feito por elas, e se tornam amargas, insatisfeitas e ingratas. Registre as bênçãos num "Diário de Bênçãos".

Apelo do meio: Levante "altares de gratidão" das bênçãos que lhe foram dadas por Deus, para jamais se esquecer de tudo o que Ele tem feito por você, como ensina aquele hino antigo: "Conta as bênçãos todas de uma vez e verás surpreso quanto Deus já fez".





TERCEIRO SIGNIFICADO: Aquela pedra era um TRAMPOLIM DE FÉ.

Tema do Meio: Fé.

Explicação: Ao olhar para aquela pedra, o povo de Israel podia crer que o Deus que os havia livrado dos inimigos nos dias de Samuel podia também livrá-lo em seus dias.

Ilustração: _____________________________________________

Fundamentação: Ele é o mesmo ontem, hoje e para sempre - Hebreus 13.8.

Opinião Contrária: _____________________________________________

Ponto-Cruz: _____________________________________________

Glorificação: _____________________________________________

Aplicação: Ao olhar as suas conquistas e avanços, seu coração tende a crer ainda mais no poder de Deus. Esse é o efeito que o testemunho causa nos ouvintes: instila fé em seus corações. As nossas experiências com Deus no passado são "trampolins de fé" donde podemos nos lançar nos braços de Deus, confiando nele de todo o nosso coração, como crianças que se jogam nos braços do pai.

Apelo do meio: Repita sempre os seus testemunhos pessoais das bênçãos, conquistas, avanços que o Senhor operou em sua história e das manifestações do poder de Deus em sua vida, pois além de instilar fé em seus ouvintes, você também terá a sua fé renovada e fortalecida. E estará em condições de experimentar ainda mais o agir de Deus daqui para frente, vivendo "de fé em fé".





CONCLUSÃO

Ao garantir a memória das vitórias que Deus nos dá, estamos construindo MARCOS DE VITÓRIA, ALTARES DE GRATIDÃO e TRAMPOLINS PARA A NOSSA FÉ, de onde poderemos nos lançar para desafios ainda maiores.

10 de nov de 2009

7 de nov de 2009

fotos da nossa festividades

Ir oromar Dando a Palestra Sobre O Obra Missionaria no Brasil